Diretrizes Éticas

Diretrizes éticas

A Revista de Defesa da Concorrência se orienta pelas diretrizes éticas do Committee on Publication Ethics – COPE, que podem ser acessadas na íntegra por meio do link. As diretrizes do COPE tem como objetivo identificar e coibir más práticas de pesquisa, como plágio, fraudes ou possíveis violações éticas, estabelecendo responsabilidades para autores e editores. Abaixo, destacamos alguns pontos importantes adotados pelo Cade:

Responsabilidade dos editores

A Revista de Defesa da Concorrência se compromete a assegurar a qualidade do material publicado, promovendo a constante melhoria do periódico e incentivando a liberdade de expressão, por meio do encorajamento do debate. Além disso, a Revista se compromete a publicar correção, retratação e desculpas se houver necessidade.

Ainda, a RDC adota ferramenta de identificação de plágio para combater casos de má conduta, estabelecendo diretrizes para retratação e correção de artigos, quando necessário. Se informações imprecisas ou distorcidas vierem a ser detectadas e se, após investigações, a fraude ficar comprovada, a RDC registrará o ocorrido no site e em seus indexadores.

Responsabilidade dos autores

Além das prescrições disponíveis na seção “Submissões” do site, deve ser apresentada “Declaração de contribuição de autores e colaboradores”, para registro da participação ativa dos coautores na discussão dos resultados, na revisão ou na aprovação da versão final do trabalho.

Relação com os autores

A Revista de Defesa da Concorrência disponibiliza em seu site os esclarecimentos acerca de todo o processo de avaliação por pares e se compromete a publicar eventual desvio desse procedimento. Ademais, recurso dos autores contra decisão editorial podem ser encaminhados para revista@cade.gov.br.

Reclamações

Toda e qualquer reclamação existente em relação ao processo editorial, não ao conteúdo ou à substância das decisões editoriais, frisa-se, será respondida e encaminhada ao autor da reclamação.